domingo, 10 de maio de 2020

Sim, sou Mãe!




Hoje, neste dia das mães, gostaria de compartilhar um momento que vivi e que gerou dúvida e, ao mesmo tempo, aprendizado.





Dois meses após o falecimento da Ana Beatriz, eu estava participando de uma palestra, e em um certo momento a palestrante falou: quem é mãe levanta a mão! Confesso que naquele momento eu fiquei com dúvidas e pensei: eu não tenho mais filhos, minha única filha não está viva, será que ainda sou mãe?




Refleti e cheguei à conclusão que uma vez que nos tornamos mãe, seremos para sempre mãe. Não existe ex mãe.





Estando seu filho presente ou não, perto ou longe, você continua vivendo a maternidade.
Como mãe, continuo desejando o melhor para a Ana Beatriz e agradecendo por tudo que o que ela me ensinou.





Sim, sou mãe para sempre.

domingo, 1 de março de 2020

Espelho


O espelho reflete a realidade do hoje em apenas uma imagem, mas não mostra toda a trajetória para chegar a esta imagem. 

Muitas vezes vivemos no automático, envolvidos na rotina do dia-a-dia. O tempo não para. 
Temos que ter um momento para parar e olhar para trás e acionar na memória o que já vivemos. 
A nossa história é construída com alegrias, dúvidas, conquistas, emoções boas, frustrações, aprendizados. Nos surpreendemos ao relembrar de situações que jamais imaginávamos passar. 

Não somos mais nem menos do que ninguém, somos únicos! Cada história é única! Percebam que não construímos nada sozinhos. Podemos nos ajudar com as experiências vividas. 
Quantas pessoas entram na nossa vida e nos auxiliam para passarmos pelos momentos desafiadores de forma mais leve. Quanto aprendemos uns com os outros! 

Compartilhar nossas experiências, nossa vida, nossa verdade, nos faz resgatar na memória um turbilhão de informações e de emoções vividas. Vamos compartilhar? 


quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

Momentos, memórias, emoções.

Como nossa vida é dinâmica, diria surpreendente. 



Fotos registram momentos de nossa vida. Nos fazem gravar na memória a emoção vivida naquela cena, naquele lugar, naquela situação. 



Como é bom e maravilhoso olhar nossa trajetória e relembrar a nossa história. 

Os lugares, as situações vivenciadas, as etapas percorridas, as pessoas com quem compartilhamos diversos momentos. 



Quanto aprendemos, quanto sorrimos, quanto vivemos. As emoções brotam e quão maravilhoso é podermos relembrar a nossa história. Participamos um na vida do outro e, em alguns momentos nos completamos. Parar e resgatar estas emoções através das fotos nos revigora para continuarmos a nossa caminhada. 



Faça você também, pegue suas fotos, ative sua memória e reviva cada emoção.